Quem é o novo ministro da Integração Social Gilberto Occhi

Quem é o novo ministro da Integração Social Gilberto OcchiMinistério da Integração Nacional – Gilberto Occhi PP

Em meio a suspeitas de corrupção envolvendo quadros do partido em contratos da Petrobrás, o Partido Progressista (PP) tem o maior numero de envolvidos no escandalo e  acertou  com a presidente Dilma Rousseff a indicação do  ministro das Cidades, Gilberto Occhi, considerado um quadro “técnico” da legenda, para a pasta da Integração Nacional. O PP comandava a pasta anterior desde 2005.

A troca é considerada um “rebaixamento”, por causa do volume de dinheiro gerido em cada pasta. Como compensação, Dilma ofereceu ao PP a presidência do Banco do Nordeste. A proposta foi aceita, mas ainda sem nome definido para assumir o posto.

Gilberto Magalhães Occhi, natural de Ubá (MG), é graduado em Direito pela Universidade de Vila Velha (ES) e pós-graduado nas áreas de Finanças e Mercado Financeiro, pela Universidade de Vila Velha (ES), Gestão Empresarial pela Universidade de Brasília e Comércio Exterior pela Universidade Católica de Brasília.

É funcionário de carreira da Caixa Econômica Federal desde 1980, onde ocupou os cargos de vice-presidente de Governo e de superintendente nacional da Região Nordeste e ja se  envolveu com escandalos em  2010, quando ocupava a superintendência da Caixa em Alagoas, foi acusado de chefiar um esquema de extorsão contra empresários e donos de lotéricas no estado. e em 2011, o Ministério Público Federal de Sergipe o denunciou por coagir clientes a quem ofertava venda casada de produtos da Caixa economica federal.

Fonte – reportagem dos escandalos  leia mais aqui

ou

Fonte –  folha 

Sera responsavel  pela construcao do Rio Sao Francisco , 39 projetos socio ambientais confira no  link, atuacao em catastrofes  , estabelecimento das diretrizes e prioridades na aplicação dos recursos do Fundo de Desenvolvimento da Amazônia e do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste , estabelecimento de normas para cumprimento dos programas de financiamento dos fundos constitucionais e das programações orçamentárias dos fundos de investimentos regionais, acompanhamento e avaliação dos programas integrados de desenvolvimento nacional, defesa civil, obras contra as secas e de infraestrutura hídrica, formulação e condução da política nacional de irrigação,  ordenação territorial e aqui se inclue a protecao de terras indigenas, e obras públicas em faixas de fronteiras.

 

Posted in Politica and tagged , , , , .

Deixe uma resposta